galdinoalves

poesias

Textos


EU JÁ BRIGUEI COM LAMPIÃO!

E eu por ser um nordestino
Um cabra daquilo roxo,
Não fujo do meu destino,
Pois eu não sou um macho frouxo,
Eu já briguei com lampião
O cangaceiro Virgulino,
Eu o obriguei dançar sozinho,
Xaxado xote e baião,
E depois ficar nuzinho
Como quem vem ao mundão!

Barreiras-BA 09-07-2021
Antônio Galdino.
Antonio Galdino
Enviado por Antonio Galdino em 09/07/2021
Alterado em 11/07/2021


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras