galdinoalves

poesias

Textos


Cartas para vida!
Vamos refletir...
ANO NOVO, COMEÇAR DE NOVO A CAMINHADA!

Siga, agora é pé na estrada,
A tempestade já passou,
Vá fundo na sua caminhada,
O jogo ainda não terminou.

Não chore o leite derramado,
Ou se a vaca foi para o brejo
E com você algo deu errado,
Não veja como sacrilégio.

Faça uma parada e pense,
Corrija o que você errou,
A vitória não pertence,
A quem caiu e não se levantou.

Levante-se e pegue a sua cruz,
E por mais pesada que seja,
Lembre-se ainda há uma luz
Bem lá no fim do túnel, veja!

E sendo a última que morre,
De cada ser a sua esperança,
Quem confia nela, ela o socorre,
Pois a vida requer confiança!


Barreiras-BA- 02-01-2019
Antônio Galdino.

 
Adoráveis versos, parabéns!
Qual a diferença entre um poeta
e um poeta de vida?
Um poeta escreve poesia,
um poeta da vida vive a vida como uma poesia.
(Augusto Cury) Abs

Por- Galdino.


Valeu nobre poeta,
muito obrigado pela interação.

 
Antonio Galdino
Enviado por Antonio Galdino em 02/01/2019
Alterado em 13/01/2019


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras