galdinoalves

poesias

Textos


O ARRAIÁ DO RECANTO DAS LETRAS.

Pra que tudo certo dê,
Ore por nós meu São João,
Pois aqui queremos ser
Cada qual tal um irmão.


Neste arraiá do recanto
Poeta não pode faltar,
Vamos ter forró dum tanto
Com quentão pra lhe esquentar.

Nesta festa de São João
Quem quiser pode chegar
Pra uma fraternização
Aqui no nosso arraiá.

Amigo bem vindo é você
Com sua esposa e seu filho,
Vocês podem escolher;
Aqui tem bolo de milho,

Pra beber tem o quentão,
Ou licor de tamarindo,
Bebam a gosto tem opção,
Por favor, vão se servindo.

Daqui a pouco tem forró
Quero todo mundo cá,
E não vale dançar só
Procure formar um par.

Se o homem está solteiro,
Tem mulher que quer dançar
Seja dela o cavalheiro
Neste forró do arraiá.

E viva ao Santo Antônio,
O santo casamenteiro,
Que nos traga um matrimônio,
Para quem estiver solteiro!

Barreiras-BA- 08-06-2018
Antônio Galdino.
Antonio Galdino
Enviado por Antonio Galdino em 08/06/2018
Alterado em 02/08/2018


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras