galdinoalves

poesias

Textos


30-PATATIVA DO ASSARÉ
UM POETA DE FÉ!
PP
Ó nobre poeta, cabra da peste,
Um nordestino daquilo roxo,
A tua coragem é inconteste,
Poeta que age assim não é um frouxo,
Nem se quer tem medo de boi mocho,
Só dos castigos do Pai celeste,
Mas é Ele que te inspira e reveste,
Faz de ti um bravo forte e varonil
Pra poder versejar com arrocho;
Belezas e mazelas do Brasil!

Barreiras-BA-15-08-2017
Antônio Galdino
Antonio Galdino
Enviado por Antonio Galdino em 30/11/2017
Alterado em 12/03/2019


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras