galdinoalves

poesias

Textos


A UMA AMIGA DESESPERADA
FRI
A UMA AMIGA DESESPERADA

Coragem! Abre teu coração
E esquece os preconceitos,
Não te cubras de defeitos,
Tu és jovem de outra geração!

Liberta-te das algemas do tabu
Que tanto te magoa e tortura.
Sorria, tu és uma bela criatura,
Uma garota do tipo zona sul!

Acorda deste cruel pesadelo
Que te persegue e angustia.
O mundo é feito de alegria,
Por que não sair para vê-lo?

Escuta este meu conselho,
Fazes uma bela maquiagem,
Adquires uma nova imagem
Diante de teu amigo espelho!

Agora sim! Podes sorri a valer!
Dizes bem alto, adeus ilusões!
E vais curtir fortes emoções,
Pois, a vida existe pra se viver!

Viver é, antes de tudo, se libertar
Das ilusões do próprio mundo,
E com o desejo mais profundo
Gozar a vida sem medo de errar!

Formosa – GO – 03 - 10 - 80

Do livro, FRUTOS DA IMAGINAÇÃO
Antonio Galdino
Antonio Galdino
Enviado por Antonio Galdino em 27/10/2010
Alterado em 19/03/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras